Celebridade está de volta: vamos relembrar seus inesquecíveis personagens

Escrita por Gilberto Braga, a novela narra a rivalidade entre a ressentida Laura e a vitoriosa Maria Clara

Jorge Luiz Brasil

Laura é a malvada que destrói a vida da mocinha, Maria Clara | <i>Crédito: Divulgação Rede Globo
Laura é a malvada que destrói a vida da mocinha, Maria Clara | Crédito: Divulgação Rede Globo

Uma dos melhores trabalhos de Gilberto Braga, Celebridade (2003) está de volta. A eletrizante trama, protagonizada por Cláudia AbreuMalu Mader, Marcos Palmeira e Fábio Assunção, estreia hoje (segunda 4), no Vale a Pena Ver de Novo, no lugar de Senhora do Destino (2004). Curiosamente, a novela de Aguinaldo Silva foi a substituta de Celebridade na época em que foram transmitidas. Esta semana as duas produções ainda serão exibidas juntas. Enquanto o público acompanhar as emoções finais da saga de Maria do Carmo (Susana Vieira) e Nazaré Tedesco (Renata Sorrah), poderá também curtir os primeiros passos da rivalidade entre a bem-sucedida empresária Maria Clara Diniz (Malu Mader) e a dissimulada Laura Prudente da Costa (Claudia Abreu). A partir da segunda 11, Celebridade passa a ocupar o horário integralmente. Com direção geral de Dennis Carvalho e Marcos Schechtman, a novela foi exibida entre outubro de 2003 e junho de 2004, e abordou temas complexos como a a ambição, a busca desenfreada pela fama, o alcoolismo, o jornalismo de celebridades, o alpinismo social e tem um dos mais instigantes "quem matou?" da história da TV brasileira. “Estou curiosa para sentir como será a compreensão do público jovem sobre essa história. Apesar de tratar de um tema muito atual, a novela é anterior ao fenômeno das redes sociais. Como sempre, Gilberto Braga antevê grandes acontecimentos de nossa época”, comenta Malu Mader.

Para Claudia Abreu, Celebridade foi inesquecível. “Ela parte de uma relação de amor e ódio, entre uma fã e sua “adorada” estrela, para falar de algo além: a cultura de celebridades e seus 15 minutos de fama. E isso quando a internet nem era tão explorada como hoje”, lembra a atriz, que dividia o arsenal de maldades com Marcos (Márcio Garcia). Para destruir Maria Clara, os dois amantes e cúmplices se infiltram na vida da produtora: Laura como sua assistente e Marcos como seu motorista. “Gilberto Braga sabe construir personagens como ninguém. A resposta do público nas ruas era impressionante”, lembra Márcio Garcia. Vamos relembrar o quem é quem dessa instigante trama sensacional.

Maria Clara Diniz (Malu Mader) - Empresária musical e produtora bem- sucedida. Desde bastante jovem foi inteligente, forte, lutadora, sustentou a mãe viúva, Corina (Nívea Maria), e a irmã mais moça, Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira). Marcada pela morte do noivo, há 15 anos, dedicou-se de corpo e alma à carreira e nunca mais quis se casar. Aos 20 e poucos anos já era modelo conhecida, e tornou-se uma das principais empresárias musicais do país. Algo seca, e contida, rejeita sentimentalismo, complacência e intimidade fácil. Não é milionária, mas vive muito bem e tem muito glamour. Admirada, desejada e invejada, contrata muitos dos maiores artistas do país e promove alguns dos mais importantes shows realizados no Brasil. Sempre teve dificuldade em manter relações duradouras. A imagem vitoriosa e independente assusta os homens, por mais fascinante que ela seja. No início da história, está apaixonada – e é correspondida – por Otávio (Thiago Lacerda). Passa por grandes dificuldades por causa de um golpe aplicado por Laura (Cláudia Abreu). Depois de uma forte decepção com Otávio, Maria Clara vive um amor difícil com o produtor de cinema Fernando (Marcos Palmeira), casado com Beatriz (Deborah Evelyn).

Laura Prudente da Costa (Cláudia Abreu) - Pobre, humilde, extraordinariamente convincente e sedutora. Quase sempre doce, suave e desprotegida, o que desarma mesmo as mulheres mais espertas, e envolve os homens num clima de sensualidade inocente. Mas, se necessário, é muito agressiva, tanto para seduzir quanto para destruir. Suas vítimas mais exploradas na trama são Nelito (Taumaturgo Ferreira), Bruno (Sérgio Menezes) e Cristiano (Alexandre Borges). Renato Mendes (Fábio Assunção), o vilão da novela, embora a princípio não se dê conta, é obcecado por ela, e monta um esquema tortuoso para atraí-la. É amante de Marcos (Márcio Garcia), sua alma gêmea, por quem sente forte atração e desejo dominador, plenamente correspondidos. Os dois formam uma dupla de crápulas para ninguém botar defeito. Fascinada pela figura forte de Maria Clara (Malu Mader), Laura é a vilã da novela.

Fernando Amorim (Marcos Palmeira) - Honesto, inteligente e competente, seduz pela franqueza. Homem de grande charme, é um bem-sucedido produtor internacional de cinema. Marido de Beatriz (Deborah Evelyn), pai de Inácio (Bruno Gagliasso) e Fábio (Bruno Ferrari), e genro do rico empresário Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana), que se opôs ao casamento da filha a ponto de o casal ter sido obrigado a sair do país para Fernando poder trabalhar. Fernando nasceu pobre, filho do barbeiro Salvador (Roberto Bonfim). Fugiu com Beatriz grávida, e foi trabalhar num filme francês. Primeiro nasceu Inácio e, depois, Fábio. Lutando com muita dificuldade, Fernando venceu como produtor de êxitos cinematográficos na Europa. Mas seu casamento desmoronou: Beatriz é superficial, egocêntrica e impaciente com a dedicação do marido ao trabalho – ele é um workaholic. No começo da novela, com o casamento desgastado, a família volta ao Brasil para que Fernando receba um prêmio. Ele quer criar uma produtora de cinema nacional, pois tem saudades de sua pátria. Beatriz não quer o Brasil nem a produtora, mas aceita ambos para salvar o casamento. Então, Fernando conhece Maria Clara (Malu Mader), apaixona-se, muda radicalmente os rumos de sua vida e os da vida dela. Mas ambos são atingidos por uma tragédia doméstica que faz com que Fernando passe o resto da história entre o amor de sua vida, Maria Clara, e o dever de estar perto de um filho problemático, que lhe exige a presença constante. Fernando é o sofrido herói da história.

Renato Mendes (Fábio Assunção) - Editor da revista Fama, conhecidíssimo colunista de variedades e cotidiano, tem grande influência na vida social da cidade. Intrigante, sarcástico, venenoso, refinado, culto e inteligente, conhece a vida de todos, e usa esse conhecimento para manipular quem lhe convém. Várias vezes ameaçado de agressão, consegue habilmente escapar do confronto físico evitando certas ocasiões, ou delas saindo apressado ante a presença de um de seus muitos desafetos. É sempre surpreendente. Sobrinho do poderoso Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana), ambiciona herdar a presidência do grupo, sendo, portanto, antagonista natural de Fernando (Marcos Palmeira), a quem vê como uma ameaça a esse projeto. Tem fixação em Laura (Cláudia Abreu), sendo tão inescrupuloso quanto ela. Os dois chegam a medir forças ao longo da novela, com um subjugando o outro alternadamente. Renato é cunhado do jornalista Cristiano (Alexandre Borges), e tio de Zeca (Brunno Abrahão), cuja guarda tenta conquistar, de olho na herança da irmã, morta em um acidente de carro.

Marcos (Márcio Garcia) - Bonito, atlético e sedutor, amante de Laura (Cláudia Abreu) e seu parceiro absolutamente inescrupuloso em todas as intrigas e planos para obter vantagens, das mais miúdas às mais delirantes. Completamente antiético, é indiferente à decência, conceito que não alcança. Só é capaz de sentir ambição, desejo, prazer e vaidade. Com Laura não precisa fingir, já que ela é amoral como ele.

Beatriz Vasconcelos Amorim (Deborah Evelyn) - Mulher de Fernando (Marcos Palmeira), mãe de Inácio (Bruno Gagliasso) e Fábio (Bruno Ferrari), filha de Lineu (Hugo Carvana). Apaixonada pelo marido. Tem clara preferência pelo filho Fábio, e rejeita Inácio. Charmosa e elegante, é egoísta, dependente, e tem ciúmes até do trabalho de Fernando. Quando ele se afasta, tenta manipulá-lo usando o poder do pai, mas ele descobre, e se separa. Jamais aceita a separação, e quando surge a rival Maria Clara (Malu Mader), odeia-a acima de tudo, tornando-se aliada dos inimigos da outra. Próximo ao final da novela, descobre-se que Inácio é filho dela com o primo Renato (Fábio Assunção), segredo que guardava a sete chaves. Na época, ela engravidou para assegurar que Fernando não a deixasse.

Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana) - Poderoso empresário do ramo da comunicação, é autoritário, realizador, muito bem-sucedido, e desacostumado a ter sua vontade contrariada. Patrocinador dos shows de Maria Clara (Malu Mader), é pai de Beatriz (Deborah Evelyn) e antagonista do genro, Fernando (Marcos Palmeira). Faz um grande esforço para aceitar, após o longo afastamento, que se enganou sobre Fernando. Gosta da filha e dos netos, Inácio (Bruno Gagliasso) e Fábio (Bruno Ferrari). Tenta apaziguar os ânimos, mas a seu modo, enganando e tentando “comprar” o genro, em conluio com Beatriz. Morre assassinado ao longo da trama, mas antes descobre que é pai de Maria Clara.

Corina Diniz (Nívea Maria) - Mãe viúva de Maria Clara (Malu Mader) e Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira). Nos anos 1960, foi dona de uma das primeiras butiques do Rio de Janeiro. Frustrada por não ter conseguido seguir a vida profissional, depende da filha Maria Clara. Embora tente disfarçar, é evidente que prefere a outra filha, que não é famosa nem rica. No início da trama, dissimulada, bajula Clara, que a trata com grande carinho e lhe dá muito conforto. Nunca se sabe ao certo o que pode estar pensando, ou escondendo. Tem envolvimento romântico com galãs maduros da história.

Ana Paula Diniz Moutinho (Ana Beatriz Nogueira) – Filha de Corina (Nívea Maria), irmã de Maria Clara (Malu Mader), é casada com Nelito (Taumaturgo Ferreira), com quem tem três filhos: Sandra (Juliana Knust), Guto (Fernando Paganote) e Dudu (Bruno Cariati). Falsa e invejosa, explora o quanto pode a irmã, que vive inteiramente mergulhada no trabalho. Quando lhe convém, faz o gênero “desapegada”. Tem grandes ambições, e demonstra um elitismo que nada em suas qualidades justifica.

Vladimir Coimbra (Marcelo Faria) - Irmão de Eliete (Isabela Garcia), mora com ela no Andaraí. Afável, bondoso, simples e sem ambição, querido pelas crianças. Bonito e atlético, muito mulherengo, tem grande orgulho de ser bombeiro, um “soldado do fogo”, mas é injustamente expulso da corporação. Deseja Darlene (Deborah Secco), que só liga para homens famosos. Acaba namorando Darlene e Jaqueline (Juliana Paes), escondendo uma da outra. Contra a sua vontade, transforma-se em uma celebridade, e a fama involuntária e indesejada o leva a estrelar campanhas publicitárias para pré-adolescentes. Mas detesta ser centro de atenções: seu único desejo é voltar a ser bombeiro. Protagonista, com as namoradas, do núcleo cômico da história.

Eliete Coimbra (Isabela Garcia) - Divertida, sensual, bom astral, mas extremamente brega, a irmã de Vladimir (Marcelo Faria) foi colega de Maria Clara (Malu Mader) nos primeiros anos do segundo grau do Colégio Pedro II e, desde então, embora tenham seguido caminhos diversos, as duas são grandes amigas. Saudavelmente vidrada em sexo, está sempre namorando, sem estabelecer compromissos românticos mais profundos. Bom caráter, seu traço dominante é a franqueza. Ganha a vida como sacoleira: faz viagens ao Paraguai e vende os produtos a uma freguesia que abrange muitos personagens da novela. Maria Clara gostaria de ver Eliete bem-sucedida em outro tipo de atividade: quando a história começa, está patrocinando um curso de massagista para a amiga. Não gosta de Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira), e é a única personagem a quem Laura (Cláudia Abreu) não consegue enganar nem por um instante. A certa altura, forma um triângulo com Ana Paula e Nelito (Taumaturgo Ferreira).

Darlene Sampaio (Deborah Secco) - Filha de Ademar (Daniel Dantas), sedutora e dadivosa, mente ao pai dizendo ser virgem. Manicure no salão de Salvador (Roberto Bomfim), é louca pela fama, e sonha com a carreira de modelo e atriz. Torna-se grande amiga de Jaqueline (Juliana Paes), com quem tem uma ligeira rivalidade. Apaixonada por Vladimir (Marcelo Faria), mas o desejo de ser famosa fala mais alto.

Jaqueline Joy (Juliana Paes) - Linda e muito sensual, vem do interior para ficar famosa como as moças que vê na TV e nas revistas. Manicure na barbearia de Salvador (Roberto Bomfim), vira amiga de Darlene (Deborah Secco), embora as duas sejam rivais na batalha pela fama. Sem saber, divide com Darlene o namorado Vladimir (Marcelo Faria). Acaba se envolvendo com Bruno (Sérgio Menezes).

Noêmia (Júlia Lemmertz) - Há muito tempo secretária de confiança de Maria Clara (Malu Mader), cuja ascensão seguiu de perto. O caráter, a capacidade profissional e a lealdade de Noêmia a tornaram indispensável na vida da produtora, como funcionária e amiga. Afável na maior parte do tempo, sabe também ser firme e direta quando necessário. Reservada em questões pessoais, nem mesmo Maria Clara consegue ter acesso ao que se passa em seu íntimo. Acha graça quando lhe dizem que ainda é uma mulher bonita e atraente. E se recusa, com veemência, a se envolver com os “bons partidos” que a todo momento querem lhe arranjar. Desde que nasceu seu único filho, Paulo César (Paulo Vilhena), Noêmia se dedica inteiramente a ele. Viúva muito jovem, mima o filho de forma exagerada e se recusa a admitir que é explorada por ele. Sua vida sofre uma reviravolta quando finalmente deixa cair suas defesas e se apaixona perdidamente por Cristiano Reis (Alexandre Borges).

Cristiano Reis (Alexandre Borges) - Belo homem, encantador, carismático, e jornalista de grande sucesso. Querido e respeitado, é profundo conhecedor da cultura brasileira, e de MPB em particular. Muito apaixonado pela esposa Vívian, irmã de Renato Mendes (Fabio Assunção), não suportou vê-la morta ainda jovem num desastre de carro, dois anos antes. Bebe demais e, com o tempo, perde empregos, amigos e prestígio. Torna-se desastrado e angustiado. Só a comovente dedicação do filho pequeno, Zeca (Brunno Abrahão), evita que acabe destruindo a própria vida. O amor discreto de Noêmia (Júlia Lemmertz) acaba por resgatá-lo desse pesadelo e da dignidade perdida. Volta com grande sucesso à profissão, virando antagonista de Renato (Fábio Assunção), seu ex-cunhado, por defender a honestidade e a ética profissional, e porque o outro quer lhe tirar a guarda do filho.

Otávio Albuquerque (Thiago Lacerda) - Namorado de Maria Clara (Malu Mader) no início da novela. Importante executivo, inteligente, charmoso e bonito. Maduro e seguro de si, não tem receio da imagem triunfante e autossuficiente de Maria Clara, bem mais famosa e requisitada pela mídia do que ele. Par perfeito para ela, não fosse tudo simulado. Pede Clara em casamento para os dois irem morar na Arábia Saudita, de onde recebeu convite irrecusável. Maria Clara vive o dilema de escolher entre abandonar sua carreira para ser dona de casa ou prejudicar seriamente a carreira do homem amado, até descobrir que Otávio pode não estar sendo honesto com ela.

Inácio (Bruno Gagliasso) - Filho de Fernando (Marcos Palmeira) e Beatriz (Deborah Evelyn), irmão de Fábio (Bruno Ferrari). Mais frágil que o irmão, é apegado ao pai, que é involuntariamente distante. Rejeitado pela mãe, tenta em vão reconquistá-la. Desajustado, solitário e carente, mas muito simpático. Apaixona-se por Sandra (Juliana Knust), e forma um triângulo com ela e Paulo César (Paulo Vilhena). No decorrer da trama, descobre que é filho de Renato (Fábio Assunção), o que não aceita de forma alguma, embora continue a ser tratado por Fernando como se fosse seu filho.

Nelito Moutinho (Taumaturgo Ferreira) - Marido de Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira), pai de seus três filhos: Sandra (Juliana Knust), Guto (Fernando Paganote) e Dudu (Bruno Cariati). Mulherengo discreto, tem medo da mulher, cuja personalidade às vezes esmaga a sua. Medíocre simpático, persegue em vão o sucesso – rigorosamente nada deu certo em sua vida profissional. Considera-se inteligente demais para ter patrão, mas os negócios que abre acabam sempre mal. No início da história, é dono de uma produtora de vídeo. Sua intenção é fazer DVDs dos shows de Maria Clara (Malu Mader), mas o que consegue mesmo é filmar casamentos modestos ou festinhas de aniversário de amigos. Ao longo da trama, envolve-se com Eliete (Isabela Garcia).

Ubaldo Quintela (Gracindo Jr.) - Introspectivo, sofrido e misterioso, velho amigo de Lineu (Hugo Carvana). Sai da prisão depois de 15 anos de reclusão, amargo, ressentido, lacônico e reservado. No passado, foi enganado pelos irmãos Wagner e Ernesto (Roberto Pirillo), já que era dele a autoria da canção que ajudou Maria Clara (Malu Mader) em sua trajetória, embora ela ignorasse a armação. Quer vingança.

Hugo (Henri Castelli) - Bonito e sem ambição, é um jovem simpático, que toca violão muito bem. Apaixona-se por Maria Clara (Malu Mader), e é rejeitado pela família dela como um aproveitador. Na verdade não tem interesse na fama da protagonista: ama-a de fato. A princípio insegura, depois encantada, Maria Clara enfrenta a família para viver esse romance repleto de ternura. Entra na trama por volta do capítulo 60.

Salvador (Roberto Bomfim) - Pai de Fernando Amorim (Marcos Palmeira). Barbeiro, é dono de um salão simples no Andaraí, onde trabalham as manicures Darlene (Deborah Secco) e Jaqueline (Juliana Paes). No passado, foi campeão de remo com Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana), Ubaldo Quintela (Gracindo Jr.) e o falecido Hélio Diniz, marido de Corina (Nívea Maria) e pai de Maria Clara (Malu Mader) e Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira). Salvador tem relação de grande afeto com o filho e com o neto, Inácio (Bruno Gagliasso). Tem um romance com Palmira (Adriana Alves).

Yolanda (Nathalia Timberg) – Tia de Renato (Fábio Assunção) e Caio (Théo Becker), trambiqueira.

Solange Sá (Silvia Pfeifer) - Dona de uma elegante loja de roupas femininas, casada com um homem rico e ciumento. Tem um envolvimento amoroso com Marcos (Márcio Garcia).

Sandra (Juliana Knust) - Sobrinha de Maria Clara (Malu Mader), filha de Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira) e Nelito (Taumaturgo Ferreira). Introspectiva, tem conflitos fortes com os pais, de cuja mediocridade tem plena e dolorosa consciência. Adora a tia. Apaixonada por Paulo César (Paulo Vilhena), conhece Inácio (Bruno Gagliasso), que mexe muito com sua vida e suas certezas.

Bruno Carvalho (Sérgio Menezes) - Bom caráter, inteligente, sensível, bonito e elegante, um fotógrafo muito bem-sucedido, e como tal reconhecido. Muito requisitado pelo mercado editorial, colabora esporadicamente com a revista Fama. Separa-se da linda e medíocre modelo Teresa (Michelle Valle), e sofre com isso. Vive um romance com a oportunista Laura (Cláudia Abreu) e, depois, com Jaqueline Joy (Juliana Paes).

Ernesto Lopes (Roberto Pirillo) - Gerente de produção da empresa de Maria Clara (Malu Mader), falso e desprovido de caráter. Seu irmão, o cantor e compositor Wagner Lopes, noivo de Maria Clara, morre antes de a história começar, no dia em que se casaria com a jovem.

Fábio (Bruno Ferrari) – Filho de Fernando (Marcos Palmeira) e Beatriz (Deborah Evelyn), irmão de Inácio (Bruno Gagliasso). Bonito, forte, extrovertido e atleta, é a “alegria da casa”, segundo Beatriz, que tem preferência por ele e rejeita seu irmão introspectivo e angustiado. Morre num acidente, o que desestrutura ainda mais toda a família.

Paulo César / PC (Paulo Vilhena) - Filho de Noêmia (Júlia Lemmertz). Bonito, esportivo e sedutor, pratica surfe. Tenta pela terceira vez vestibular para Medicina, por insistência da mãe, que ele explora. Gostaria de ser comerciante, de ter um pequeno bar, mas não tem coragem de conversar sobre isso com a mãe. Forma um triângulo amoroso com Sandra (Juliana Knust) e Inácio (Bruno Gagliasso).

Zeca (Brunno Abrahão) - Filho de Cristiano (Alexandre Borges), menino adorável. Ama o pai, e amadurece precoce e abruptamente com a morte da mãe e o mergulho de Cristiano no desespero. Pela circunstância trágica em que é jogado, acaba agindo como “pai” do pai. Em toda a história, seu objetivo é salvar Cristiano.

Joel Cavalcanti (André Barros) - Repórter inteligente da revista Fama, muito ambicioso. Mulherengo, tem grande atração por Darlene (Deborah Secco) e, mais tarde, por Jaqueline (Juliana Paes). Muito ligado ao chefe, Renato (Fabio Assunção).

Ademar Sampaio (Daniel Dantas) - Assistente de Ernesto (Roberto Pirillo) na empresa de Maria Clara (Malu Mader), simpático e bem-humorado. Pai de Darlene (Deborah Secco), que ele acredita ser virgem. É pobre mas vai levando a vida, sempre com uma piada na ponta da língua. Muito ligado e bem informado sobre vários aspectos da cultura popular – música, esportes, velhas chanchadas e teatro de revista.

Hercília (Norma Blum) – Avó de Laura (Cláudia Abreu). Inicialmente trabalha como faxineira numa agência de automóveis importados, e dorme num quartinho improvisado no terreno da agência. Mulher sofrida e seca, tem bons motivos para não viver sorrindo. Fechada e misteriosa, entra na novela por volta do capítulo 20.

Queiroz (Otávio Müller) - Simpático e de bom caráter, jornalista muito respeitado. Editor da revista semanal Palavra, de propriedade de Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana), é o amigo mais íntimo de Fernando (Marcos Palmeira). Quando Fernando se separa de Beatriz (Deborah Evelyn), Queiroz o hospeda em sua casa. Assassinado no decorrer da novela.

Dr. Alcir medeiros (Nelson Dantas) - Grande advogado, defende Otávio (Thiago Lacerda) num processo contra a Editora Vasconcelos. Viúvo, tio de Queiroz (Otávio Müller), mora sozinho, e tem muitos livros publicados. É um profissional de grande renome. Mora no mesmo prédio de seu sobrinho, mas é muito independente. Amigo de vários personagens. Um exemplo de como um homem na terceira idade pode ter uma vida ativa e digna. Trabalha muito, sai bastante e tem grande interesse pela vida cultural do país.

Tadeu (Alexandre Morenno) - Inicialmente, trabalha como caixa no bar do Andaraí. Mais tarde, funcionário de uma clínica, tenta roubar sêmen congelado do famoso esportista Caio (Théo Becker) a pedido de Darlene (Deborah Secco), colaborando com um dos planos mirabolantes da moça para alcançar a celebridade.

Caio (Théo Becker) – Irmão de Renato (Fábio Assunção), bonito, carismático e famoso campeão de natação. Morre subitamente.

Wanderley (Nildo Parente) - Jornaleiro muito conhecido no Andaraí. Tem um nível de conhecimento espantoso e, por isso, é muito procurado pelos fregueses para dar informações sobre os mais variados assuntos, principalmente sobre o que diz respeito a celebridades.

Gabi (Luiza Valdetaro) - Jovem amiga de Sandra (Juliana Knust). Tem um flerte com Fábio (Bruno Ferrari).

Guto (Fernando Paganote) - Menino mimado e endiabrado, filho de Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira) e Nelito (Taumaturgo Ferreira), irmão de Sandra (Juliana Knust) e Dudu (Bruno Cariati).

Dudu (Bruno Cariati) - Menino mimado e endiabrado, filho de Ana Paula (Ana Beatriz Nogueira) e Nelito (Taumaturgo Ferreira), irmão de Sandra (Juliana Knust) e Guto (Fernando Paganote).

Olga (Cristina Amadeu) - Secretária de Lineu Vasconcelos (Hugo Carvana), muito tímida, reprimida, antiquada e pouco vaidosa. Derrete-se por Renato Mendes (Fábio Assunção), mas não tem coragem de tentar conquistá-lo.

Fabiana (Joana Limaverde) - Secretária de Renato Mendes (Fábio Assunção). Atraente, simpática e inteligente.

Vitória (Débora Lamm) - Repórter muito simpática e de bom caráter da revista Fama. Vibrante, safa e empenhada, exemplo de como uma repórter tiete de celebridades pode ser uma pessoa do bem.

Kléber (Fábio Araujo) - Assistente de Nelito (Taumaturgo Ferreira) na produtora de vídeo e, mais tarde, na agência de celebridades que ele abre.

Zaíra (Janaína Lince) - Assistente muito competente na Melo Diniz. Elegante e preparada.

Ivan (Marcelo Laham) - Paparazzo ligado a vários funcionários da revista Fama, mais especialmente ao repórter Joel (André Barros).

Iara (Sheron Menezzes) - Bonita e sexy, copeira na casa de Maria Clara (Malu Mader).

Xavier (Otto Júnior) - Motorista da editora Vasconcelos.

Kátia (Carla Faour) - Arrumadeira no apart-hotel dos ricos, amiga de Darlene (Deborah Secco). Mora perto do Andaraí.

Palmira (Adriana Alves) - Arrumadeira no apart-hotel dos ricos, enturmada com o pessoal do Andaraí. Tem um romance com Salvador (Roberto Bomfim).

Regina (Aline Borges) - Arrumadeira na casa de Beatriz (Deborah Evelyn) e Fernando (Marcos Palmeira).

Guilherme (Marcelo Valle) - Repórter de um jornal sensacionalista.

Sadi (Miguel Rômulo) - Amigo de Zeca (Brunno Abrahão).

Teresa Carvalho (Michelle Valle) - Modelo famosa, casada com Bruno (Sérgio Menezes), de quem se separa.

Claudionor (Carlos Seidl) - Motorista na empresa Melo Diniz.

03/12/2017 - 23:33

Conecte-se

Revista Minha Novela