Deus Salve o Rei, urgente!  Amália enfrenta Catarina para libertar Afonso da cadeia

O ex-príncipe é preso depois de brigar com um soldado do Rei Augusto e a princesa o deixar atrás das grades

Jorge Luiz Brasil

Catarina reconhece a audácia de Amália, mas avisa que Afonso continuará preso | <i>Crédito: Divulgação Globo
Catarina reconhece a audácia de Amália, mas avisa que Afonso continuará preso | Crédito: Divulgação Globo

Agora que não é mais da realeza, Afonso (Romulo Estrela) precisou conseguir o emprego de ferreiro em Artena. E tudo o que ele quer é paz para poder ser feliz com Amália (Marina Ruy Barbosa). Mas vai ser difícil... Tirso (Fifo Benicasa), soldado do Rei Augusto (Marco Nanini), foi até a feira e pediu uma das sopas da ruiva. Mas falou mal da comida e foi embora sem pagar. Em outro dia, ele retornou, mas Amália se recusou a atendê-lo. Tirso insistiu e provocou a jovem. “Nem com um jeitinho?”, debochou. “Não, de jeito nenhum”,  responde Afonso, tomando as dores da noiva. O soldado foi agressivo, os dois brigam e Tirso apanhou. Furioso, o militar usou de sua autoridade contra o ex-príncipe. “Você está preso por agredir um soldado de sua majestade o rei Augusto!”

No capítulo de hoje (segunda 29), de Deus Salve o Rei, assustada, Amália tenta impedir a prisão, mas Afonso impede que a amada se envolva. Afonso é preso e Martinho (Giulio Lopes) avisa a Amália que, na ausência de Augusto, a princesa é a única que pode livrar Afonso da prisão. Coitado! Ao ser informada do caso, Catarina (Bruna Marquezine) desconsidera as recomendações de Demétrio (Tarcísio Filho) e decide tratar Afonso como um preso normal. Indignado, Demétrio comunica a Afonso que Catarina não deu previsão de quando tratará do seu julgamento. Amália, então, decide procurar Catarina e entra no castelo sem ser vista. Ela vai parar na biblioteca e se depara com Catarina. A princesa do mal deixa claro que julgará o caso de Afonso sem privilégios. Mas ela é surpreendida pela chegada de Augusto ao castelo. O monarca repreende Catarina por ter mantido Afonso encarcerado. Augusto pede perdão a Afonso e manda Demétrio expulsar Tirso de seu exército.

27/01/2018 - 17:09

Conecte-se

Revista Minha Novela