Comemorando 4 décadas de escrita, Alcides Nogueira lança 'Tempo de Amar'

Sempre antenado, ele é o autor da nova trama das 6

Texto: Thomaz Rocha

Alcides Nogueira | <i>Crédito: Divulgação
Alcides Nogueira | Crédito: Divulgação
Lá se vão 40 anos desde que Alcides Nogueira escreveu sua primeira peça de teatro, A Farsa da Noiva Bombardeada. De lá pra cá, o autor se firmou como um dos grandes nomes da nossa teledramaturgia. O escritor chegou até ganhar o Emmy, o reconhecimento máximo da televisão internacional, pela premiação de O Astro, como melhor telenovela de 2011. Agora, Alcides volta às tramas com uma história que tem o amor como combustível. Para criar Tempo de Amar, o paulista escreveu a sinopse em cima de um argumento de Rubem Fonseca. Da trama base, da menina (Maria Vitória, interpretada por Vitória Strada) que vinha para o Brasil atrás do grande amor da vida dela, o veterano desenvolveu a espinha dorsal, e escreveu a história até o capítulo 36 sozinho, para imprimir sua identidade à trama. “Estou muito ansioso pela estreia. Sinto que a bolsa estourou e estou sentido as contrações do parto (risos)”, brinca Alcides. 

Novos rostos
Para a nova novela das 6, a Rede Globo lançará dois novos rostos, que estarão à frente da trama como o casal principal. Os estreantes Vitória Strada e Bruno Cabrerizo são motivos de alegria para Alcides, que acatou essa decisão conjuntamente, após reuniões entre equipe e direção: “É arriscado. Mas houve muita pesquisa e testes atrás destes atores. A partir do momento que vimos a Vitória e o Bruno, sabíamos que eram eles os protagonistas. O casal tem que ser lançado junto, não poderia apostar num novato e chamar uma atriz conhecida para fazer seu par. A gente não pode colocar o produto em risco, por isso, decidimos em conjunto.” Alcides é um autor versátil e alterna romances de época e contemporânea em suas obras. Mas o paulista confessa que se sente à vontade ao escrever novelas ambientadas em tempos passados. “Esse tipo de história tem um requinte narrativo melhor, além da possibilidade de construir um personagem com mais eficácia. Tempo de Amar tem toda essa beleza do folhetim assumido, sem medo de ser feliz”, afirma Alcides, que curte muito escrever tramas contemporâneas também, como I Love Paraisópolis (2015), seu último trabalho, que ele define como um “hip hop total”. 

Busca contínua 
Um dos maiores desafios para Alcides é redigir uma novela no momento em que as redes sociais bombam. Mesmo assim, o autor não acredita que o que é dito na internet possa influenciar totalmente seu texto. “Esse tipo de rapidez que a rede social traz é um termômetro. Mas claro que não vou virar um escravo de tudo o que é dito na internet. As redes sociais são mais importantes do que os grupos de discussão, porque o público é mais variado. Se você souber fazer uma triagem, isso ajuda a conduzir esse boing”, conta o autor que, depois de quatro décadas como escritor, não perdeu sua inquietude perante da vida. “Sempre busco uma tentativa contínua de me adequar aos novos tempos. Estamos vivendo num mundo em que as coisas são tão rápidas e se você não se preocupar com essas plataformas todas e a rede social, se dá mal. Se está difícil para entrar na TV, crie para a internet. Esse meio é tão vasto, que vale a pena. Mas a principal dica é exercer a escrita, nem que seja pra jogar fora depois. Não deixe se enferrujar”, ensina.

02/10/2017 - 15:25

Conecte-se

Revista Minha Novela